Eufrasio Capacidade Poeta e Pensador

 

O sorriso é terapia da alma



Textos


CARTA ANÔNIMA


A CARTA ANÔNIMA

O carteiro chegou, eu já sabia o que ele trazia. Era uma carta recheada de palavras doces como mel. Leves como as nuvens do céu.

Alguns dias atrás fiz uma carta de amor, para fazer uma surpresa a minha flor. Para quando ela ler e se encantar, correr para os meus braços e me abraçar.

Fiquei prestando atenção na sua reação. Pois, na descrição não tinha remetente, nem endereço. Fiquei confiante na energia do nosso amor.

Ela começou a ler e a se emocionou... Não se aguentou e começou a chorar. Veio em minha direção, abraçou-me dizendo que não precisava disfarçar.
Pois sei que esta carta de amor foi feita por você, meu poeta pensador.

Direitos reservados: Eufrasio Capacidade
Lei 9610/98
Eufrasiocapacidade
Enviado por Eufrasiocapacidade em 29/11/2018
Alterado em 29/11/2018


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras